domingo, 30 de maio de 2010

O que mais sofremos


O que mais sofremos no mundo -

Não é a dificuldade. É o desânimo em superá-la.
Não é a provação. É o desespero diante do sofrimento.
Não é a doença. É o pavor de recebê-la.
Não é o parente infeliz. É a mágoa de tê-lo na equipe familiar.
Não é o fracasso. É a teimosia de não reconhecer os próprios erros.
Não é a ingratidão. É a incapacidade de amar sem egoísmo.
Não é a própria pequenez. É a revolta contra a superioridade dos outros.
Não é a injúria. É o orgulho ferido.
Não é a tentação. É a volúpia de experimentar - lhes os alvitres.
Não é a velhice do corpo. É a paixão pelas aparências.
Como é fácil de perceber, na solução de qualquer problema, o pior problema é a carga de aflição que criamos, desenvolvemos e sustentamos contra nós.


Francisco Cândido Xavier.
Ditado pelo Espírito Albino Teixeira.

4 comentários:

Jorge disse...

Amigas da Vila,

a vida nos testa nas nossas deficiências ao mesmo tempo que nos desafia a extyeriorizar virtudes que temos, e que estão adormecidas.
Por isso, nas dificuldades, quase sempre nos descontrolamos pois é o nosso ponto fraco sendo testado. Só mesmo despertando a nossa própria consciência é que vamos conseguir movimentar as virtudes, que adormecida, estão prontas para serem exteriorizadas.

Assim é que vamos dominar o nosso lado sombra pela luz que somos.

beijo e uma ótima semana!!!

JR disse...

Como é dificil ser GRATO com o INGRATO, ser calmo ,diante da dor,ser justo ,com quem nos foi injusto, amar quem nos odiou.
Como é dificil tanta coisa ,mas para isso estamos aqui tentando nos SUPERAR.
A mudança é lenta ,mas temos que acreditar na vitória final.
Amigas queridas, gratidão eterna pelo carinho que nos acolhem sempre.
abraços fraternos

Valerie disse...

Amigas, passei prá deixar um beijinho carinhoso e desejar para todas um fim de semana, de muitas alegrias e trabalho no bem.

Fiquem com Deus!

Si disse...

Que lindo blog, adorei as mensagens.
Parabéns Si